O maior pecado dos líderes | Alê Prates

O maior pecado dos líderes

BLOG

05/11/2018
Alexandre Prates
Sem categoria
Nenhum comentário

A maioria dos líderes que desenvolvi eram bem-intencionados mas não completamente engajados. Ao longo dos anos, já perdi as contas de quantas vezes ouvi:

– Alê, qual capacitação devo fazer?
– Como agir em determinadas situações?
– Tenho muitas atribuições, por onde começo? Como me organizo?
– Como me aproximo do meu time?
– Qual é a melhor estratégia para desenvolver e motivar as pessoas?

Mas ter vontade de fazer as coisas não significa estar engajado. É preciso saber o que fazer e fazer com intensidade e frequência. É preciso ter um método de gestão, para não se perder nas prioridades e não deixar de fazer o que precisa ser feito na hora certa. E o maior pecado dos líderes é justamente não ter um método de gestão.

Vou lhe dar algumas sugestões:

Reunião semanal de resultados com a equipe: Estabeleça um dia e horário e não desmarque de forma alguma. Um método só será seguido se as pessoas se engajarem com ele. Questione as metas, o que vocês entregaram durante a semana que passou e o que precisam entregar para a próxima. Avalie os resultados e trace metas para a outra semana.

Feedback individual: Converse com cada profissional individualmente. Esse é o momento certo para cobrar, reconhecer, ajudar e engajar. Deixe o seu liderado confiante para a próxima semana.

Reunião mensal: A reunião mensal é o momento para definir estratégias. Traga conteúdos para ampliar a visão das pessoas, promova a participação delas, mostre os resultados do mês e quais serão os próximos passos para atingir o resultado do próximo mês.

Esses são os princípios básicos de um método de gestão. É claro que existem outros pontos para ter um método de gestão de sucesso. Ao longo dos meus artigos lhe darei outras dicas. Para isso, faça parte da minha lista vip e receba conteúdos exclusivos. http://www.alexandreprates.com.br/lista-vip/

Um grande abraço,
Ale Prates



Nenhum comentário realizado!

Deixe seu comentário

Voltar